Seja sustentável também no banheiro.

Sendo o local da casa onde fazemos nossas necessidades e cuidamos de nossa higiene pessoal, o banheiro está em constante contato com bactérias e germes. Uma solução necessária é a limpeza frequente do espaço, para que não haja contaminações.

No entanto, a maior parte dos produtos disponíveis no mercado para essa finalidade é nociva ao meio ambiente e, acredite, também à saúde humana, devido à grande concentração de químicos.

Mas existe um jeito de nos desvincularmos desses produtos e deixar esse espaço tão importante mais sustentável, o que nos levará a economizar dinheiro com as contas de água e luz, e também remover de nosso convívio produtos que podem causar problemas à saúde. 

Verifique se há vazamentos no vaso sanitário: coloque algumas gotas de corante alimentar na caixa acumuladora de água do vaso. Se o corante descer e a água colorida aparecer no vaso sem que você dê descarga, quer dizer que há problema de vazamento. 

Desligue a torneira enquanto escova os dentes: assim é possível economizar 17 litros de água a cada escovação. 

Na limpeza, use o bicarbonato de sódio: ele tem uma excelente ação limpadora, não é tóxico como outros produtos e não agride a pele. Misture com água até formar uma pasta e aplique no vaso sanitário.

Torneiras com arejador: é uma peça que pode ser acoplada à torneira e mistura ar com o fluxo de água. Isso passa a impressão de um fluxo intenso, mesmo com um menor volume de água.

Banheiros com restritores de vazão: o chuveiro representa até 54% do consumo de água em uma residência. Num banho de cinco minutos, 45 litros são utilizados. Os restritores de vazão limitam o gasto máximo do equipamento, podendo gerar economia de 32% até 62%, dependendo do modelo da ducha.