Prevenção ao Câncer de Mama é um assunto de todos

Os laços rosas estão por toda parte e aqui não poderia ser diferente. Todos os anos, a Construtora Stéfani se engaja nas ações do Outubro Rosa para disseminar entre seus clientes, parceiros e colaboradores a importante mensagem de cuidado com a saúde das mulheres e a prevenção ao Câncer de Mama. Na CS, grande parte da equipe é composta por mulheres, o que já seria suficiente para abordar amplamente o assunto.

Porém, acreditamos que a outra parte dos colaboradores, que são do sexo masculino, não podem ser deixados de fora deste movimento, pois convivem diariamente em seus círculos – pessoais e profissionais – com mulheres e, por isso, precisam também ter conhecimento dos meios de prevenção e cuidados para apoiarem mulheres a sua volta.

Os dados no Brasil impressionam: 60 mil pessoas por ano recebem o diagnóstico da doença e passam por tratamento. Apesar da alta chance de cura quando o diagnóstico é precoce, o Câncer de Mama é o tipo que mais causa morte de mulheres no país, chegando a marca de 17 mil mulheres ao ano, de acordo com dados de 2018 do Instituto Nacional de Câncer (Inca).

A doença pode ter vários desencadeadores, como fatores genéticos e hereditários, porém a recomendação do órgão de saúde é pela adoção de um estilo de vida saudável, com alimentação balanceada, a prática de exercícios físicos, o controle do peso em um nível saudável e a abstenção de bebidas alcoólicas e cigarro.

Tão importante quanto o estilo de vida saudável é o autoconhecimento da mulher em relação ao seu próprio corpo e seguir as recomendações médicas para avaliação clínica e exames. O autoexame é um importante aliado e pode ser feito a qualquer hora e em qualquer lugar pela mulher, mas ele não basta. Além desse cuidado, é fundamental seguir a rotina de exames indicada pelo médico, principalmente a partir dos 40 anos, quando a mamografia é recomendada anualmente.

Com o diagnóstico precoce, a chance de cura é de 95%, de acordo com a Fiocruz. Por isso, é muito importante chamar a atenção de todos para o assunto. É por meio da prevenção que as mulheres estarão mais seguras e terão acesso ao tratamento de forma rápida e eficiente.

A prevenção é o melhor caminho.

Fontes:

https://www.inca.gov.br
http://www.iff.fiocruz.br/